Emedix - Portal de saúde com informações sobre doenças, prevenção, tratamento, saúde no dia a dia, nutrição e qualidade de vida.
Imagens
Diretório de Saúde Dicionário Médico Medicamentos Genéricos Comunidades Virtuais
Saúde no dia-a-dia
linha
  Alimentação Saudável
linha
  Atividade Física
linha
  Saúde da Família
linha
  Vitaminas/Sais Minerais
linha
  Fitoterápicos
linha
Doenças e Prevenção
linha
  Artigos médicos
linha
  Perguntas & Respostas
linha
  Ponto de Vista
linha
Descobertas Científicas
linha
  Notícias da Semana
linha
  Arquivo de Notícias
linha
  Notícias Setor Saúde
linha
  Agenda de Eventos
linha
Variedades
linha
  Cartão virtual
linha
  Teste seu conhecimento
linha
  Pesquisas Online
linha
  Serviços ao Leitor
linha
sobre nós
linha
  Equipe
linha
  Colaboradores
linha
  Campanhas de saúde
linha
  Anuncie Conosco
linha
  Termo de Compromisso
linha
Desenvolvimento: Tecnoweb

Doenças e Prevenção

Síndrome do anticorpo anti-fosfolipídeo

Dr. Roger Abramino Levy

IntroduçãoDescriçãoDiagnósticoTratamentoBibliografia

Tratamento

Como é o tratamento?
Quais são os medicamentos que alteram a ação dos anticoagulantes?
Quais os cuidados que o paciente deve ter com a alimentação durante o tratamento?
Quais os cuidados ao fazer uma cirurgia durante o tratamento?
Quais são os cuidados que o paciente deve ter com sangramentos durante o tratamento?
Quais os riscos de uma gestão em pacientes com SAF?
Quais são os riscos para as gestantes que usam os medicamentos para tratar a SAF ?
Como é o tratamento das gestantes com SAF?
Qual a importância do tratamento?

Como é o tratamento?

A SAF não tem cura mas o paciente pode evitar os eventos trombóticos evitando ou corrigindo os fatores de risco para tromboses e adotando uma terapia com anticoagulante oral para o resto da vida. Este consiste no uso de inibidores da vitamina K como os cumarínicos. O tratamento deve ser monitorado através de exames de sangue periódicos. No chamado tempo de atividade de protrombina (TAP), o valor do índice internacional de normalização (INR) deve estar entre 2,5 e 3,5 para que se evite um novo evento trombótico.

[sobe]

Quais são os medicamentos que alteram a ação dos anticoagulantes?

Uma série de substâncias podem alterar a ação dos anticoagulantes orais, reduzindo sua ação e aumentando o risco trombótico ou aumentando a sua atividade e elevando o risco de sangramento. Neste último grupo, destacam-se a aspirina e os demais anti-inflamatórios não-hormonais, que devem ser evitados. A nova geração de antiinflamatórios inibidores específicos da enzima COX-2 (celecoxib e rofecoxib) e o analgésico paracetamol tem pouca interferência com a anticoagulação oral e podem ser usados com maior segurança, mas exigem acompanhamento pelo médico.

[sobe]

Quais os cuidados que o paciente deve ter com a alimentação durante o tratamento?

A ação do anticoagulante oral, que se dá através da inibição da vitamina K; se o paciente ingerir grandes quantidades de anticoagulante, acaba reduzindo a quantidade de vitamina K no organismo. Recomenda-se que o indivíduo consuma quantidades diárias fixas de alimentos ricos em vitamina K: os laticínios e as folhas verdes escuras.

[sobe]

Quais os cuidados ao fazer uma cirurgia durante o tratamento?

O paciente em uso de anticoagulante oral deve avisar a todo profissional da saúde com que for se consultar. No caso de um procedimento cirúrgico ou dentário, pode ser necessário o uso de plasma, para impedir sangramento ou anticoagulação com heparina. Portanto, o médico assistente que acompanha a anticoagulação deve ser avisado.

[sobe]

Quais são os cuidados que o paciente deve ter com sangramentos durante o tratamento?

O paciente deve ser alertado sobre os fatos corriqueiros que podem levar ao risco de sangramento se o INR estiver maior do que 6,0, o que pode ocorrer se houver falha da monitoração da dose do anticoagulante oral. Ele deve também se cuidar para evitar cortes e acidentes (cozinha e manicure por exemplo). Recomenda-se gelo e compressão e, quando possível, elevação do local cortado. Em caso de hemorragia, a equipe médica deve ser imediatamente consultada.

[sobe]

Quais os riscos de uma gestão em pacientes com SAF?

Em pacientes com aPL que já tiveram aborto prévio, o risco de aborto em uma próxima gestação não tratada é de cerca de 80%. Além de abortamentos no início da gestação e perdas fetais (no segundo e terceiro trimestre de gestação), os aPL estão relacionados a crescimento intra-uterino retardado, oligohidrâmnia (diminuição do volume do líquido amniótico), baixo peso fetal e insuficiência placentária.

[sobe]

Quais são os riscos para as gestantes que usam os medicamentos para tratar a SAF ?

Os inibidores da vitamina K podem induzir mal-formações congênitas quando utilizado no início da gestação e podem ser usados com segurança a partir de 16 semanas, desde que controlados pela equipe médica. Esse é apenas um dos motivos por que a gestação da paciente com SAF deve ser programada.

[sobe]

Como é o tratamento das gestantes com SAF?

O tratamento da gestante com SAF difere. Utiliza-se o AAS infantil e muitas vezes hidroxicloroquina em gestantes sem passado de aborto. Nas pacientes com trombose prévia ou perdas fetais recorrentes, adiciona-se a heparina subcutânea, que pode ser a regular a cada 12 horas, ou a de baixo peso molecular, a cada 24 horas.

[sobe]

Qual a importância do tratamento?

A SAF é reconhecida atualmente como a trombofilia adquirida mais comum. Deve ser considerada no diagnóstico diferencial de tromboses arteriais e venosas recorrentes bem como nas perdas fetais de repetição e pré-eclâmpsia. Para pacientes que já apresentaram evento trombótico arterial ou venoso, a chance de recorrência é alta. Essas pessoas devem ser anticoaguladas indefinidamente com cumarínicos monitorando-se o INR. A SAF é uma doença crônica e para evitar as conseqüências, que podem ser graves ou até mesmo fatais se requer uma boa adesão ao tratamento. Os pacientes devem ser esclarecidos sobre a conduta geral e o regime terapêutico adotado para prevenir perdas fetais e a morbidade por eventos trombóticos.

[Introdução] [Descrição] [Diagnóstico] [Tratamento] [Bibliografia]


Enviar a um amigo



[voltar] [topo]

Atenção: As informações contidas neste site têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

Proibida a reprodução, distribuição ou publicação, parcial ou total, do conteúdo deste site estando o infrator sujeito às sanções legais cabíveis.


Outros artigos
bullet Alzheimer
bullet Aneurismas arteriais periféricos
bullet Aneurisma da Aorta
bullet Anorexia Nervosa
bullet Ansiedade
bullet Artrite Crônica Juvenil
bullet Artrite Reumatóide Juvenil
bullet Aterosclerose
bullet Autismo
bullet Bulimia Nervosa
bullet Catapora
bullet Colesterol Alto
bullet Depressão Infantil
bullet Distúrbios de Ansiedade
bullet Doenças da Coluna
bullet Doença de Parkinson
bullet Doença de Chagas Congenita
bullet Doenças Varicosas
bullet Embolia Arterial Aguda
bullet Epilepsia
bullet Esclerodermia
bullet Esclerose Sistêmica
bullet Espondilite Anquilosante
bullet Fadiga
bullet Fadiga Crônica
bullet Febre Amarela
bullet Febre Reumática
bullet Hepatite A - Vacina
bullet Hiperidrose
bullet Hipertensão Arterial
bullet HTLV-I
bullet Influenza A (H1N1)
bullet Meningite Neonatal
bullet Obesidade
bullet Pé Diabético
bullet Pressão Alta
bullet SAF
bullet Sedentarismo
bullet Síndrome do Anticorpo Antifosfolipídeo
bullet Síndrome de Hughes
bullet Síndrome de Reiter
bullet Telangiectasias
bullet Transpiração Excessiva
bullet Tromboembolismo Venoso
bullet Trombose Venosa Profunda
bullet Úlceras de Perna
bullet Vacinações
bullet Varicela
bullet Varizes
bullet Vasinhos
bullet Veias Varicosas
Home Saúde no dia-a-dia: Doenças e Prevenção: Pesquisas Científicas: Variedades: Sobre nós:
Contato Alimentação Saudável Artigos Médicos Notícias da Semana Cartão virtual Anuncie Conosco
Newsletter Atividade Física Perguntas e Respostas Arquivo de Notícias Pesquisas Online Equipe
Diretório de Saúde Saúde da Família Ponto de Vista Notícias - Setor de Saúde Testes e Curiosidades Colaboradores
Medicamentos Genéricos Vitaminas e Sais Minerais Comunidades Virtuais Agenda Serviços ao Leitor Termo de Compromisso
Dicionário Médico Fitoterápicos
Mapa do site
Desenvolvimento:Tecnoweb - Tel: (0xx21)2523-9108
Todos os direitos Reservados. 2000 - 2014 ®
Pesquisar
Inicio Newsletter Contato
Ecard Recomendar Twitter