Emedix - Portal de saúde com informações sobre doenças, prevenção, tratamento, saúde no dia a dia, nutrição e qualidade de vida.
Imagens
Diretório de Saúde Dicionário Médico Medicamentos Genéricos Comunidades Virtuais
Saúde no dia-a-dia
linha
  Alimentação Saudável
linha
  Atividade Física
linha
  Saúde da Família
linha
  Vitaminas/Sais Minerais
linha
  Fitoterápicos
linha
Doenças e Prevenção
linha
  Artigos médicos
linha
  Perguntas & Respostas
linha
  Ponto de Vista
linha
Descobertas Científicas
linha
  Notícias da Semana
linha
  Arquivo de Notícias
linha
  Notícias Setor Saúde
linha
  Agenda de Eventos
linha
Variedades
linha
  Cartão virtual
linha
  Teste seu conhecimento
linha
  Pesquisas Online
linha
  Serviços ao Leitor
linha
sobre nós
linha
  Equipe
linha
  Colaboradores
linha
  Campanhas de saúde
linha
  Anuncie Conosco
linha
  Termo de Compromisso
linha
Desenvolvimento: Tecnoweb

Notícias Julho de  2000

Dor e lesões nos tecidos de recém-nascidos alteram o circuito nervoso e a reação à dor
Fonte: Science, 27/07/2000

Recém-nascidos que sofrem lesões nos tecidos e dor durante períodos críticos de desenvolvimento podem sofrer reestruturação permanente do sistema nervoso, o que aumenta a sensibilidade à dor quando a criança se torna mais velha.

Trabalhando com modelos animais, cientistas do Instituto Nacional de Pesquisa Dental e Craniofacial apresentaram as primeiras evidências de que a dor e a inflamação em recém-nascidos alteram o desenvolvimento do circuito da dor, acarretando maior resposta à dor durante a fase adulta. O estudo foi publicado na edição de hoje da revista Science.

"Embora ainda tenhamos que relacionar as descobertas com animais ao que acontece em bebês humanos, ficamos tentados a especular que mudanças similares aconteçam com humanos recém-nascidos expostos à dor e à inflamação", diz o Dr. M. A. Ruda, principal pesquisador do estudo.

A cada ano, mais de 400 mil bebês nos EUA nascem prematuramente ou com baixo peso. Destas, 25 mil são consideradas extremamente prematuras - nascidas com 27 semanas de gestação ou menos. Há 10 ou 15 anos atrás, a maioria destes não sobrevivia. Atualmente, graças aos avanços tecnológicos, isso quase não acontece, porém os bebês ainda enfrentam muitos problemas. Além de enfrentar o trauma de viver no mundo exterior prematuramente, os procedimentos médicos disponíveis para mantê-los vivos e monitorar seu progresso podem causar dor e lesões nos tecidos.

"O bebê prematuro pode ser considerado como se ainda estivesse no período fetal, quando o desenvolvimento dos elementos básicos do cérebro está ocorrendo", explica Ruda. "Estímulos anormais durante este momento crítico pode afetar o cérebro", complementa.

Sempre existiu debate considerável sobre a existência de dor em recém-nascidos e sua manutenção. Na metade da década de 80, as cirurgias eram efetuadas em bebês sem o benefício da anestesia, quando a crença era que mesmo se os bebês sentissem dores, esqueceriam das mesmas. Desde então, estudos sobre a resposta biológica à dor e as expressões faciais de recém-nascidos durante procedimentos traumáticos atestam que os bebês realmente respondem à dor. Hoje, a dor causada por cirurgias traumáticas em recém-nascidos é cuidadosamente administrada com anestesia e analgésicos.

Os cientistas descobriram que ao redor de 24 semanas de gestação, já estão disponíveis rotas imaturas para a transmissão de dor, as quais continuam se desenvolvendo após o nascimento.

"Diferentemente de outras modalidades sensoriais, como a visão ou a audição, que requerem estímulos para o desenvolvimento apropriado, a rota da dor normalmente se desenvolve na ausência do estímulo da dor ou na presença de exposição reduzida.

No estudo, Dr. Ruda e colegas injetaram um produto irritante em um grupo de ratos com 1 dia de idade, equivalente a 24 semanas de gestação em humanos, e em um segundo grupo, com 14 dias de idade, equivalente a adolescentes em humanos.

Em ambos os grupos, foram observados inchaço e vermelhidão. Quando adultos, os dois grupos de ratos foram examinados. Os ratos que receberam o produto com 1 dia de idade, tiveram um aumento da densidade das fibras nervosas responsáveis por transmitir o sinal de dor para o cérebro. A resposta à dor das células nervosas também estava aumentada. O mesmo não foi encontrado no grupo de ratos que receberam o produto aos 14 dias de idade.

Os pesquisadores supõem que o instante crítico para uma mudança no circuito seja anterior ao 14o dia de modo que o circuito neuronal não foi afetado pelos danos no tecido e pela dor.


Enviar a um amigo

[voltar] [topo]

Atenção: As informações contidas neste site têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

Proibida a reprodução, distribuição ou publicação, parcial ou total, do conteúdo deste site estando o infrator sujeito às sanções legais cabíveis.


notícias 2000
Jan Fev Mar
Abr Mai Jun
Jul Ago Set
Out Nov Dez

Mais notícias:
1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015

+ notícias
marcador Novos antibióticos devem ser usados com sabedoria
marcador Fumo ligado a intelecto debilitado em idosos
marcador Soja protege o coração sem elevar taxa hormônios
marcador Combatendo doenças cardíacas em minutos
marcador Vitamina D é medicamento promissor contra o câncer
marcador O mel pode ser a cura
marcador Caroteno e vitamina E protegem contra dano do sol para pele
marcador Dieta e exercício têm importante papel na prevenção do câncer
marcador Risco de câncer de mama está ligado à terapia de reposição hormonal
marcador Vitamina E pode ajudar a reduzir declínio cognitivo em idosos
marcador A aspirina pode trazer mais problemas do que benefícios na prevenção de doenças coronárias
marcador Mulheres ainda não têm o costume de tomar vitaminas para prevenir defeitos congênitos em seus bebês
marcador Vitaminas C e E podem proteger contra o declínio mental e algumas demências
marcador Descoberto método inovador de terapia genética para doenças do coração
Home Saúde no dia-a-dia: Doenças e Prevenção: Pesquisas Científicas: Variedades: Sobre nós:
Contato Alimentação Saudável Artigos Médicos Notícias da Semana Cartão virtual Anuncie Conosco
Newsletter Atividade Física Perguntas e Respostas Arquivo de Notícias Pesquisas Online Equipe
Diretório de Saúde Saúde da Família Ponto de Vista Notícias - Setor de Saúde Testes e Curiosidades Colaboradores
Medicamentos Genéricos Vitaminas e Sais Minerais Comunidades Virtuais Agenda Serviços ao Leitor Termo de Compromisso
Dicionário Médico Fitoterápicos
Mapa do site
Desenvolvimento:Tecnoweb - Tel: (0xx21)2523-9108
Todos os direitos Reservados. 2000 - 2014 ®
Pesquisar
Inicio Newsletter Contato
Ecard Recomendar Twitter