Emedix - Portal de saúde com informações sobre doenças, prevenção, tratamento, saúde no dia a dia, nutrição e qualidade de vida.
Imagens
Diretório de Saúde Dicionário Médico Medicamentos Genéricos Comunidades Virtuais
Saúde no dia-a-dia
linha
  Alimentação Saudável
linha
  Atividade Física
linha
  Saúde da Família
linha
  Vitaminas/Sais Minerais
linha
  Fitoterápicos
linha
Doenças e Prevenção
linha
  Artigos médicos
linha
  Perguntas & Respostas
linha
  Ponto de Vista
linha
Descobertas Científicas
linha
  Notícias da Semana
linha
  Arquivo de Notícias
linha
  Notícias Setor Saúde
linha
  Agenda de Eventos
linha
Variedades
linha
  Cartão virtual
linha
  Teste seu conhecimento
linha
  Pesquisas Online
linha
  Serviços ao Leitor
linha
sobre nós
linha
  Equipe
linha
  Colaboradores
linha
  Campanhas de saúde
linha
  Anuncie Conosco
linha
  Termo de Compromisso
linha
Desenvolvimento: Tecnoweb

Notícias setembro de  2000

Estresse aumenta risco de doenças do coração em mulheres
Fonte: Sociedade Norte Americana da Menopausa, 09/09/2000

Níveis reduzidos de estrógeno, devido ao estresse, podem colocar algumas mulheres jovens em curso de alto risco para doenças cardíacas, conforme afirmaram pesquisadores do Centro Médico Batista da Universidade de Wake Forest ontem, 08 de setembro, em uma reunião da Sociedade Norte Americana da Menopausa.

"Nosso estudo com fêmeas de macacos indica que o estresse afeta os níveis de estrógeno e pode levar ao desenvolvimento de doenças do coração, mesmo antes da menopausa", afirma Jay Kaplan, Ph.D., professor de medicina comparativa.

As mulheres têm sido, tradicionalmente, consideradas "imunes" a doenças do coração até após a menopausa, quando os níveis de estrógeno caem dramaticamente. A pesquisa mostra que o estresse pode, na realidade, reduzir os níveis do estrógeno muito mais cedo, acarretando depósitos de gordura nas artérias, o que pode levar a ataques cardíacos e derrames.

"A pesquisa demonstra que a deficiência do estrógeno antes da menopausa coloca as mulheres em uma trajetória de alto risco, independentemente de receberem tratamento após a menopausa", diz Kaplan.

No estudo, macacos-fêmea foram distribuídas em grupos, onde estabeleceriam, naturalmente, um esquema social, partindo de um dominante até um subordinado. Aquelas socialmente estressadas, por possuírem papéis subordinados, produziam quantidades reduzidas do hormônio estrógeno. Em mulheres, o estrógeno produzido antes da menopausa auxilia na proteção contra doenças do coração e osteoporose.

Os resultados do estudo indicaram que os animais deficientes em estrógeno apresentavam quatro vezes mais aterosclerose do que os dominantes, os quais produziam níveis normais do hormônio. Quando as fêmeas estressadas eram submetidas a tratamento para estrógeno, quer seja antes ou depois da menopausa, a taxa de aterosclerose caía pela metade. Quando recebiam uma "dose dupla" de estrógeno (antes e depois da menopausa), as taxas de aterosclerose se igualavam às das fêmeas dominantes.

Outro estudo em andamento, com base em autópsias humanas, ratifica as descobertas de Kaplan. Os resultados deste, liberados no ano passado, indicaram que ao redor dos 35 anos de idade, um terço das mulheres apresentavam aterosclerose substancial nos vasos que se dirigiam para o coração.

Em mulheres, a anorexia nervosa e os desequilíbrios hormonais podem reduzir os níveis de estrógeno a ponto de interromper os períodos menstruais. Kaplan e seus colaboradores teorizam que quedas mais moderadas do estrógeno, assintomáticas, podem, também, afetar a saúde. Em um estudo com 66 mulheres que apresentavam períodos menstruais normais, os níveis hormonais eram suficientemente baixos na metade dos participantes, causando perda óssea e levando à osteoporose.

Acredita-se que níveis reduzidos de estrógeno podem causar perda óssea em mulheres, podendo, também, causar aterosclerose.

Neste estudo com macacos, o estrógeno foi dado na forma de contraceptivos orais, anteriormente à menopausa. Após a mesma, foi aplicada a terapia de reposição hormonal. O cynomolgus macaques, utilizado no estudo, possui ciclo menstrual de 28 dias e as fêmeas (com exceção das estressadas) apresentavam uma resistência natural a doenças do coração quando comparadas aos machos.


Enviar a um amigo

[voltar] [topo]

Atenção: As informações contidas neste site têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

Proibida a reprodução, distribuição ou publicação, parcial ou total, do conteúdo deste site estando o infrator sujeito às sanções legais cabíveis.


notícias 2000
Jan Fev Mar
Abr Mai Jun
Jul Ago Set
Out Nov Dez

Mais notícias:
1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015

+ notícias
marcador Novos antibióticos devem ser usados com sabedoria
marcador Fumo ligado a intelecto debilitado em idosos
marcador Soja protege o coração sem elevar taxa hormônios
marcador Combatendo doenças cardíacas em minutos
marcador Vitamina D é medicamento promissor contra o câncer
marcador O mel pode ser a cura
marcador Caroteno e vitamina E protegem contra dano do sol para pele
marcador Dieta e exercício têm importante papel na prevenção do câncer
marcador Risco de câncer de mama está ligado à terapia de reposição hormonal
marcador Vitamina E pode ajudar a reduzir declínio cognitivo em idosos
marcador A aspirina pode trazer mais problemas do que benefícios na prevenção de doenças coronárias
marcador Mulheres ainda não têm o costume de tomar vitaminas para prevenir defeitos congênitos em seus bebês
marcador Vitaminas C e E podem proteger contra o declínio mental e algumas demências
marcador Descoberto método inovador de terapia genética para doenças do coração
Home Saúde no dia-a-dia: Doenças e Prevenção: Pesquisas Científicas: Variedades: Sobre nós:
Contato Alimentação Saudável Artigos Médicos Notícias da Semana Cartão virtual Anuncie Conosco
Newsletter Atividade Física Perguntas e Respostas Arquivo de Notícias Pesquisas Online Equipe
Diretório de Saúde Saúde da Família Ponto de Vista Notícias - Setor de Saúde Testes e Curiosidades Colaboradores
Medicamentos Genéricos Vitaminas e Sais Minerais Comunidades Virtuais Agenda Serviços ao Leitor Termo de Compromisso
Dicionário Médico Fitoterápicos
Mapa do site
Desenvolvimento:Tecnoweb - Tel: (0xx21)2523-9108
Todos os direitos Reservados. 2000 - 2014 ®
Pesquisar
Inicio Newsletter Contato
Ecard Recomendar Twitter